12 de mai de 2010

Resenha: Noite Eterna – Claudia Gray

É engraçado, quando as pessoas chamam você de “tímido”, elas em geral sorriem. Como se fosse uma coisa engraçadinha, alguma pequena mania da qual você vai se livrara depois de grande”.

A história poderia ser interpretada como a transição da infância para a adolescência, época em que há várias descobertas e conflitos internos e externos, de amor e ódio. Ou tratar a ideia como algumas horas de entretenimento. Simples assim.

Noite Eterna lembra de leve Harry Potter, J. K. Rowling, apesar de que no lugar de bruxos, há vampiros; ao invés de uma história repleta de mitologia e bem elaborada, Claudia Gray escreveu com uma simplicidade que consegue prender o leitor e terminar o livro em poucas horas.

Não é uma história indicada para apreciadores do mito do vampiro. Trata-se de um livro escrito para adolescentes e a nova febre de vampiros bons, com família e vivendo em sociedade, estudando em colégio...

-->
Claro que não há como fugir da comparação com Crepúsculo, Stephenie Meyer. Há a mocinha, o mocinho, a história dom “vampiro” – ou o que cada um transforma sua criatividade nesses seres – não há praticamente nenhuma ligação com o mito, poderia se dizer que são seres distintos e somente o nome foi usado.

Bianca, a mocinha vai estudar na escola interna Noite Eterna, existe o conflito nessa mudança, em que os pais serão seus professores. Os colegas são ricos e arrogantes – na visão dela, mas mesmo assim, todos são amigos e a ajudam. No primeiro dia de aula, Bianca decide fugir, ainda sabendo que seria frustrada desde o início. Na floresta conhece o misterioso Lucas Ross, por quem logo se apaixona.

“Você não consegue entender o que significa estar vivo. É melhor do que ser um vampiro, melhor do que qualquer outra coisa no mundo. Lembro-me um pouco de como era estar vivo, e se pudesse experimentar isso de novo, mesmo por um dia, valeria qualquer coisa no mundo. Até mesmo morrer de novo, para sempre. Todos os séculos que conheci e todas as maravilhas que vi não se comparam a estar vivo.”

Noite Eterna
, ainda assim, tem seu mérito. Não deve ser lido à procura do vampiro tradicional. Mas várias vezes, durante a leitura, fui surpreendida com o desenrolar da história.

Recomendado para quem gosta da ideias dos novos vampiros. Ou quem não tem preconceito e quer somente se divertir lendo um livro. A continuação é: Caçadora de Estrelas

******
Edição: 1/2010
Editora: Planeta
ISBN: 9788576655022 Páginas: 300
Tradução: Martha Argel, Humberto Moura Neto
*****

8 comentários:

  1. hum não sei se vou querer, estou um pouco cheia desses vampiros adolescentes - no momento estou mais interessada em outras criaturas hehe

    :)

    ResponderExcluir
  2. Mas foi uma boa experiência, gostei de ter lido.
    ^.^

    ResponderExcluir
  3. Você pretende ler a continuação?

    Eu quero só dar um tempo sabe, são muitas séries.

    Bjus

    ResponderExcluir
  4. Celyta, estive pensando e, independente do vampiro ser tradicional ou não, acho que o importante é que uma boa história seja contada, há leitores para todos os estilos, se a narrativa envolver, não importa muito se o vampiro é igual ao tradicional. O que vale é a emoção na hora da leitura.

    ResponderExcluir
  5. Exatamente, T, mas sabe que tem aqueles que não se importam se a história é boa e te dá horas de boa leitura...

    Cláudia, se eu conseguir, quero ler, sim. É muitas séries 'atrapalham' rsrs

    ResponderExcluir
  6. Gostei muitooO de ler este livro e estou louca pra ver a continuação... Quero ver aonde vai dar a história de Lucas e Bianca! ;D

    ResponderExcluir
  7. Já tenho os 3 primeiros livros dessa série, mas, ainda não tive tempo de lê-los.
    Mas, vou ler assim que possível. Pelo menos parecem ser mais criativos que "Crepúsculo".

    ResponderExcluir
  8. Uau, esse livro é a nova febre dos adolescentes do centro educacional onde trabalho... Não o li ainda, mas pela resenha, já gostei, pois não o leria com um olhar crítico vampiresco :D
    Agora eles estão doidos para ler o Caçadora de Estrelas mas não o temos em nosso acervo.

    ResponderExcluir

Obrigada por dividir sua opinião. Ela é muito importante para o crescimento do blog e de seus leitores.