8 de abr de 2010

Resenha: Metamorfose – a Fúria dos Lobisomens – Ademir Pascale (org.)

-->Escrever sobre determinado tema é bastante desafiador. Trinta e sete escritores foram selecionados para a coletânea Metamorfose – a Fúria dos Lobisomens organizada por Ademir Pascale e prefácio de J. Modesto, autor de Trevas e Anhangá – a fúria do demônio. Sinceramente nunca havia lido uma coletânea até o final e esta experiência foi bastante agradável. Alguns dos contos têm idéias muito interessantes, porém foram mal desenvolvidas. Outros são fracos, e deles não falarei, aproveitarei o espaço para citar alguns dos contos que se destacam.

Razão e Fúria – Marcelo Hipólito
“O homem-lobo surpreendeu-se (...) E ele sentiu vergonha de sua nudez”
A maldição também pode ser ao contrário e atingir o lobo, transformá-lo em homem. E para quem seria o pior castigo na transformação, para o homem ou para o lobo que adquire consciência em sua nova condição? Ao ler este conto imaginei que poderia bem se tratar de um romance.

A alcatéia – Lino França Jr.
Admiro o trabalho do escritor e este conto não poderia ser diferente, flui sem cenas e palavras colocadas desnecessariamente.
Um comboio de caminhões devidamente protegidos com prata, afinal em seu interior os seres temíveis, os lobisomens que foram capturados e, nesta tentativa de levá-los à capital pela ambição humana por poder que desafia até o desconhecido, mas nunca sai impune.
“(...) quando se lida com o sobrenatural, tudo que parece certo, pode deixar de ser em poucos segundos”.

Lobo Homem – Pedro Moreno
“Entre os rugidos de dor do animal e as gargalhadas dos homens estava meu rosnar”.
Aqui, uma criatura se preocupa com os animais da floresta em que vive, com a toda a destruição causada pelo homem – o verdadeiro mal. Mas ele é um instrumento da Natureza para afastar os seres cruéis que só fazem destruir.

O melhor amigo – André Bozzetto Junior
O horror de não se ter um amigo, de ser sozinho, leva Bruno a se aproximar de Jarbas, que descobre ser um lobisomem justiceiro. Neste conto há momentos de aversão como quando
“(...) caído no chão e gastava suas últimas forças gritando por sua mãe, enquanto a criatura bestial lhe arrancava as pernas”.

Sina – Jocir Prandi
“Numa mão, amor, carinho; na outra, rígida, cerrada, uma crescente fúria vingativa”.
A vingança que faz gerar mais vingança, uma bola de neve que sempre acaba por voltar. Quem mais sofre é aquele que permanece. Apesar de ser uma fera, também é possuidor de sentimentos.

O último baile: Pontos de vista – M. D. Amado
O conto é dividido em três partes: “A dança” em que a criatura fala enquanto toma para si a moça; “A caça”, o caçador busca e vinga a terrível cena que vê
“Teu erro, besta fera, foi roubar minha Marcelina”
“A fúria” é Marcelina quem fala sua tristeza.
Três visões diferentes do mesmo terrível momento em um belo, suave e poético texto sem deixar de ser terrível.

O Vampiro e o lobo – Adriano Siqueira
Num conto rápido, sem perder tempo, o lobo, grande inimigo do vampiro, se entrega, depois de tentar diversas vezes mata-lo, sem sucesso.
“Lobo! Não é pela tua fúria que conseguirá me atingir”.

Apavore-se com diversas versões pra uma criatura.

--> *****
Editora: All Print
ISBN: 9788577185382
Ano: 2009
Páginas: 200
*****

11 comentários:

  1. Agora fiquei mais curiosa ainda, pelo que você destacou, tem contos bem diferenciados e de qualidade, gostei da resenha sobre contos, creio ser a primeira que vejo por aqui.

    ResponderExcluir
  2. Sim, T, é a primeira resenha de contos... um desafio praticamente!

    Recomendo esse livro, sem dúvida! ^.^

    ResponderExcluir
  3. Celly, que bom que, no mínimo, o livro te trouxe uma experiência inédita como resenhista, por tratar-se de uma antologia. Realmente há contos para todos os gostos, e em um tema tão fascinante. Bjo.

    ResponderExcluir
  4. Oi Celly, nossa adorei a resenha!! e agora qero ler esse livro tbm!! ;D bjin

    ResponderExcluir
  5. Lino, adorei mesmo ler, não achei que seria tão agradável quanto realmente foi! =)

    bjoo

    ResponderExcluir
  6. Ty, super recomendado!!!

    Leia, sim! =)
    bjoo

    ResponderExcluir
  7. Parece interessante, não li nada só de Lobisomens e gosto de coletâneas. Parabéns pela resenha!

    :)

    ResponderExcluir
  8. Cláudia, este é um bom livro para começar... =D

    Obrigada!!! ^.^

    ResponderExcluir
  9. Olá, Celly! Parabéns, ficou bacana a resenha.
    Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  10. Obrigada, Ademir, como já disse, gostei da experiência de ler Metamorfose!
    ^.^

    ResponderExcluir
  11. Ana Cláudia Damasceno17/06/2011 22:04

    O conto que mais gostei nesse livro foi Cadeia Alimentar. O final foi impressionante! Adorei O livro!!!!

    ResponderExcluir

Obrigada por dividir sua opinião. Ela é muito importante para o crescimento do blog e de seus leitores.