23 de ago de 2013

Resenha: Minha casa mal-assombrada - Angie Sage

Sabe aquele livro que chama pela capa?

Sei que muitos leitores passam por isso, e eu não sou diferente. Tenho olhos de criança e corro para pegar (ou clicar) quando vejo uma obra com capa bonita, ou seja, muitas vezes esse é o cartão de visitas, a forma de conhecê-la.

No caso, não conhecia o livro Minha casa mal-assombrada (Editora Rocco, 128 páginas, R$25), de Angie Sage – na verdade nunca tinha lido nada da autora que também escreveu a série Septimus Heap –, e a capa me chamou a atenção. A ideia é que a história tenha sido contada pela personagem Araminta Fantasmim, uma criança que sonha encontrar fantasmas, a Sage, que a transformou em livro.

A menina mora com sua tia Tatá e o tio Drac numa casa muito grande e antiga. Sem consultar ninguém, um dia a tia resolve que está cansada de cuidar de tudo sozinha e decide que venderá a casa. Araminta, que não tem amigos, se revolta, pois adora o lar e não quer morar num apartamento onde não tenha a possibilidade de encontrar fantasmas, então começa a fazer planos para frustrar a venda, mas uma hora isso não dá mais certo.

A história fica basicamente nisso. Tem algumas partes para rir, de resto é superficial. Tudo bem que a razão deve ser porque é contada pela visão de uma criança, mas é rasa demais. A fonte é grande, a fim de tornar o livro maior. E há palavras repetidas em vários parágrafos, o que cansa um pouco a leitura. Desta forma, talvez Minha casa mal-assombrada seja recomendado para meninos e meninas que gostem de histórias de fantasmas, que estejam começando a ler e a se interessar pelos livros, pois podem prestar mais atenção ao que acontece e nas ilustrações que realmente são massa e recheiam o livro todo.

Serviço
Editora: Rocco
ISBN: 9788561384821
Ano: 2009
Páginas: 128
Tradutor: Rita Sussekind
Skoob | Editora Rocco

Leia também
+ Resenha: Contos de Terror do Tio Montague - Chris Priestley


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por dividir sua opinião. Ela é muito importante para o crescimento do blog e de seus leitores.